Skip to content

Polícia Militar em greve: Crime de Lesa Majestade

11 de fevereiro de 2017

O discurso da “direita” é mais uma mentira comunista.

Não existe “direita”, como não existe “capitalismo”.

São termos cunhados para estigmatizar o discurso POLÍTICO e fazer politicalha do discurso dos LIBERAIS.

O “capitalismo” foi cunhado por Arthur Young em livro sobre suas viagens à França à época da Revolução Francesa. Marx se apropriou.

Assim como o “capitalismo” só existe no discurso marxiano, a única peça de realidade, no texto do Mensaleiro-mor Marx, é reconhecer a existência do INDUSTRIALISMO, que é o sistema econômico vigente no presente.

Os que se denominam de “direita” (à la mensaleiro-mor Marx), são industrialistas.

E se contrapõem aos comunistas, ao invés de se POSICIONAREM pelo INDUSTRIALISMO e defenderem os Direitos Humanos – dos INDIVÍDUOS HUMANOS -, não como contraponto, mas como POSIÇÃO POLÍTICA.

Reativos, sempre, e repetindo o discurso comunista, não fazem mais do que reforçar o “recall” publicitário do discurso comunista, publicando fotos dos criminosos (pelo menos poderiam por a tarja preta nos olhos), adestrando os leitores e ouvintes a aceitarem as premissas comunistas e não afirmarem nenhuma premissa LIBERAL.

Não há um candidato LIBERAL nem um PARTIDO LIBERAL BRASILIANO para oferecerem ao povo.br uma alternativa ao que está aí.

Há que buscar o rapport e a mensagem LIBERAIS para mostrar a realidade dos fatos ao povo.br.

Porquê não existe 13º salário, porquê não há o direito ao trabalho, à vida, à saúde e a todas as coisas que dependem da CAPACIDADE DO HOMEM DE PROVÊ-LAS.

Publicando fotos dos produtos e os valores dos impostos para o povo.br entender como está sendo roubado, esgotando o debate sobre o imposto ser um roubo, e não um investimento, em como uma simples conta de poupança (na pior das hipóteses) poderia ser melhor que todo o aparato de previdência montado pelos corruPTos funcionários públicos que se aboletam nos cargos públicos à procura da proteção contra a concorrência no MERCADO.

Em como os concursos públicos tornaram medíocres os servidores públicos, como se em uma folha de papel com 50 perguntas fosse possível encontrar um homem ou mulher com o caráter correto para um cargo, ou o amor pelo trabalho que vai fazer.

Em como as licitações são criminosas a partir do texto da própria lei.

Em entender que o PODER DE IMPÉRIO é conferido ao ELEITO e que burocratas – juízes, procuradores, promotores -, e todos os demais concursados não deveriam ter o poder que roubam dos eleitos, que por sua vez, não foram eleitos para transferir poder, pois se é para outros terem poder, que se elejam.

Que é NECESSÁRIO a ELEIÇÃO do JUIZ da cidade, do ADVOGADO-GERAL da cidade, do CONSELHEIRO da cidade (não do vereador), do CHEFE DE POLÍCIA da cidade – porque você é que é o responsável pela escolha do homem que vai garantir sua segurança e terá de quem cobrar – ou sua viúva.

O concurso público e a intervenção de políticos na segurança pública é o que gera o genocídio do Rio Grande do Norte, do Espírito Santo e da Avenida Comercial de Taguatinga, onde um comerciante foi assaltado três vezes seguidas: na primeira roubaram 10% da loja, na segunda 90% e na terceira voltaram para conferir o estoque. Ele fechou a loja.

Ou porque o concurso público e  a intervenção do Estado (governo) na segurança pública garante a impunidade dos arrastões em paradas de ônibus em toda a Brasília e regiões administrativas.

Empregadas domésticas, técnicas em enfermagem, trabalhadores do comércio são assaltados nas paradas das Asas Norte e Sul de Brasília, às 6 h da manhã.

E à noite, quando caminham nas quadras residenciais, de volta para casa, ou no estacionamento da Caixa Econômica Federal, em plena luz do dia.

A greve dos funcionários públicos deveria ser considerada como CRIME DE LESA MAJESTADE e, nos casos de morte em função de greves, de ASSASSINATOS PREMEDITADOS.

Ou alguém tem dúvida se os militares não sabiam o que aconteceria?

As forças do exército em Vitória deveria ter cercado os quartéis e prendidos TODOS OS POLICIAS MILITARES GREVISTAS.

QUANDO O ESTADO COMETE CRIME CONTRA A HUMANIDADE é por “falta de condições de trabalho” ou de “salário baixo”.

Mas são todos LIVRES PARA IREM VIVER SUAS VIDAS DO MODO QUE QUISEREM.

MAS NÃO QUEREM, QUEREM ROUBAR E CAUSAR A MORTE justamente das pessoas cujas vidas juraram defender.

As academias militares deveriam ensinar o arakiri.

Se é que os “machos” para greve são machos …

Anúncios
No comments yet

Deixe uma resposta. Participe do debate em http://www.subsistencia.org/mailman/listinfo/plbr_subsistencia.org/.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The Savvy Sister

Simple changes for healthy living

Tech World

Yet another tech blog

Ceticismo Político

Análise política para adultos

Falando em Justiça Fiscal...

Espaço de discussão e promoção da Justiça Fiscal no Brasil

Eight to Late

Sensemaking and Analytics for Organizations

C.c

COISAeCOUSA

Moved by Freedom - Powered by Standards

A weblog by Charles-H. Schulz.

Hildegard Angel

Pode não ser a melhor opinião, pode não ser a sua opinião, mas esta é uma coluna com opinião!

Existential Type

Thoughts from an existential type.

Vijay's Tech Encounters

My Encounters with Hardware and Software

Life of a Geek Admin

The Adventures of a True Geek Administrator

The PBX Blog

Collaboration, evolved.

Logiscon

Consultoria Logística, Treinamento e Cursos

Instituto Liberal

Problemas Sociais - Soluções Liberais

Agência Liberal de Notícias Brasil

Porque notícias também devem ter ideias

CONFEI - Conselho Federal de Informática

Movimento #CONFEI Todos a favor da Criação do Conselho Federal de Informática do Brasil

%d blogueiros gostam disto: