Skip to content

O governo contrata o resultado ou o serviço?

13 de abril de 2015

O .gov contrata o RESULTADO, não o serviço

Se contrata o resultado por meios próprios – servidores públicos – o serviço está descrito na descrição do trabalho.

Se o .gov contrata o resultado de uma empresa privada, valem todas as premissas anteriores, apenas, um outro componente do Estado estará provendo os serviços.

As regras que regulam o serviço e sua prestação – ABNT, por exemplo – podem ser estipuladas pelo .gov ou por uma entidade privada. No contrato poderão estar as regras.

Assim, é transparente para o .gov ou para o povo (orçamento do .gov) a contratação do resultado, pois a contratação dos serviços estarão reguladas de forma inequívoca.

Se uma pessoa presta um serviço – dentro de regras -, tanto faz onde ela está: no .gov ou em uma empresa, ou pessoalmente, no caso de um Profissional Liberal –CLPLBR.WordPress.com -, por exemplo.

Não existe qualquer ligação entre o .gov que contrata a empresa A e a empresa A contratar a empresa B. As regras protetivas do trabalhador valem para ambas as empresas, A e B, independentemente do trabalho – ou do cliente deste trabalho -, que as empresas provejam, ou do beneficiado do trabalho de qualquer das empresas.

Em física, equivale ao estudo do Diagrama de Corpo Livre. Se uma força não age sobre um corpo, não aparece no DCL daquele corpo. E as forças do ambiente valem para todos os corpos.

Assim, não existe terceirização, mas a contratação de terceiros, especializados, para prestar serviços que complementem os serviços prestados pela contratante.

Quando a empresa contratada entrega o resultado não é possível, para o cliente contratante, diferenciar o valor agregado aos serviços pelos terceiros contratados do valor agregado da empresa contratada, assim, se o valor agregado não pode ser identificado, não tem porque ser regulado de forma especial.

No iWATCH, você não vê o que é proveniente da APPLE ou de outro fornecedor. Na PETROBRAS você só vê corrupção, até mesmo na bomba do posto, que te “vende” gasolina + álcool, mas …. that’s another story … as would say Moustache to Irma, La Dulce.

Me parece óbvio que quando um cliente contrata uma empresa, é transparente para o cliente que a empresa contratada É a empresa contratada, não os terceiros – chamamos parceiros – que colaboram – colaboradores – com os serviços da empresa contratada. Para o cliente, existe apenas UMA contratada. Assim, a “terceirização” tal como os comunistas e intervencionistas entendem, é uma figura de retórica marxista para “caracterizar” uma “classe” de “trabalhadores” de modo a tornar o discurso político, e não econômico.

Mas posso ter entendido o conceito de modo errado ….

Anúncios
No comments yet

Deixe uma resposta. Participe do debate em http://www.subsistencia.org/mailman/listinfo/plbr_subsistencia.org/.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

MAC, iOS & Linux

Suporte Remoto - Instalação - Segurança de Dados - Computadores e Acessórios

The Savvy Sister

Simple changes for healthy living

Tech World

Yet another tech blog

Ceticismo Político

Análise política para adultos

Falando em Justiça Fiscal...

Espaço de discussão e promoção da Justiça Fiscal no Brasil

Eight to Late

Sensemaking and Analytics for Organizations

C.c

COISAeCOUSA

Moved by Freedom - Powered by Standards

A weblog by Charles-H. Schulz.

Hildegard Angel

Pode não ser a melhor opinião, pode não ser a sua opinião, mas esta é uma coluna com opinião!

Existential Type

Thoughts from an existential type.

Vijay's Tech Encounters

My Encounters with Hardware and Software

Life of a Geek Admin

The Adventures of a True Geek Administrator

The PBX Blog

Collaboration, evolved.

Logiscon

Consultoria Logística, Treinamento e Cursos

Instituto Liberal

Problemas Sociais - Soluções Liberais

Agência Liberal de Notícias Brasil

Porque notícias também devem ter ideias

%d blogueiros gostam disto: