Skip to content

Educação, a muleta dos proletaristas

13 de setembro de 2012

Educação é uma espécie de “bicho estranho” no país dos brasileiros – aqueles portugueses que viviam de vender brasil (o pau-brasil) na Europa – pois é sempre tida como um problema a ser “contornado” na Colônia, que não deveria poder ter um povo educado.

Assim, a disciplina “Educação” tornou-se um cavalo de batalha para toda a sorte de proletarista para dominar o povo via infiltração e dominação do governo.

Sem uma Elite pensante que tenha um pensamento prospectivo e uma visão de futuro nacional para o país e para o povo – e reproduzindo a filosofia colonialista do explorador europeu – os brasileiros continuam a explorar os brasilianos como se pudessem retornar para a matriz com os bolsos cheios de dinheiro.

É na PRIVATIZAÇÃO do ensino – inicialmente com o ensino primário – com a VENDA DE TODAS AS ESCOLAS DE I GRAU para as ASSOCIAÇÕES DE PAIS E MESTRES DE CADA ESCOLA que temos a retomada da nacionalidade no projeto de um povo brasiliano e na visão de independência de nosso povo dos colonialistas europeus e, agora, com os colonialistas brasileiros que “ficaram” aqui.

Assim os professores E os pais seriam SÓCIOS.

O governo fica SEM DÍVIDAS COM MANUTENÇÃO E SALÁRIOS E PODE USAR OS 20% DA EDUCAÇÃO EM COMPRA DE VAGAS PARA ESTUDANTES POBRES.

Cada escola de primeiro grau cria um Comitê de Administração e Finanças e VENDE VAGAS NA BÔLSA DA EDUCAÇÃO DA CIDADE.

Cada pessoa compra uma AÇÃO DA ESCOLA e paga MENSALIDADE.

Um jovem de 20 anos pode comprar a vaga de um filho que vai ter 12 anos depois e financia a educação de dezenas de estudantes – ao pagar a mensalidade do fundo – até o filho entrar na escola.

Cadas pai pode vender a AÇÃO DA ESCOLA na bolsa e por o filho em outra escola. Cada escola fica com uma parte do fundo para administrar estas trocas e outras ações financeiras.

Assim os jovens têm uma educação financeira e um objetivo na vida: o estudo dos próprios filhos. 

Pode não parecer muito mas é um bom comêço para a construção de um país de BRASILIANOS e não de brasileiros – exploradores conolialistas – que já não podem mais voltar para “casa.”

Anúncios
No comments yet

Deixe uma resposta. Participe do debate em http://www.subsistencia.org/mailman/listinfo/plbr_subsistencia.org/.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

MAC, iOS & Linux

Suporte Remoto - Instalação - Segurança de Dados - Computadores e Acessórios

The Savvy Sister

Simple changes for healthy living

Tech World

Yet another tech blog

Ceticismo Político

Análise política para adultos

Falando em Justiça Fiscal...

Espaço de discussão e promoção da Justiça Fiscal no Brasil

Eight to Late

Sensemaking and Analytics for Organizations

C.c

COISAeCOUSA

Moved by Freedom - Powered by Standards

A weblog by Charles-H. Schulz.

Hildegard Angel

Pode não ser a melhor opinião, pode não ser a sua opinião, mas esta é uma coluna com opinião!

Existential Type

Thoughts from an existential type.

Vijay's Tech Encounters

My Encounters with Hardware and Software

Life of a Geek Admin

The Adventures of a True Geek Administrator

The PBX Blog

Collaboration, evolved.

Logiscon

Consultoria Logística, Treinamento e Cursos

Instituto Liberal

Problemas Sociais - Soluções Liberais

Agência Liberal de Notícias Brasil

Porque notícias também devem ter ideias

%d blogueiros gostam disto: